Avati Guaçu

Abá gûé
(Olá pessoal!)

Muito prazer! Meu nome é Avati Guaçu!
Recebi a honrosa missão de ser o mascote do “Projeto Minas Indígena”.
Vou estar com vocês em todas as “penas” que clicarem.
Juntos trabalharemos com grande entusiasmo!
Começo nossa conversa contando-lhes a origem do meu nome:
é uma homenagem a um grande herói da mitologia Guarani!
Em uma época de grande escassez de alimentos dois guerreiros procuravam a solução para saciar a fome de todos da Aldeia quando depararam com um enviado de Nhandeiara - o Grande Espírito. Este lhes disse que a solução para acabar com a fome de seu povo demandaria de uma luta de morte entre os dois. O vencido seria sepultado no local em que caísse e logo do seu corpo brotaria uma planta cujas sementes, replantadas e depois comidas, 
resolveriam para sempre o problema com alimentação. 
Assim fizeram: os dois guerreiros travaram uma sangrenta luta!

Avati, um dos dois, foi derrotado: morreu e de sua cova nasceu uma planta chamada “milho”.

E meu sobrenome, Guaçu, vem do tupi-guarani e significa “Grande”: Avati, o grande!


Tonê
(Tchau)

Voltar
minasgerais.jpg